Buscar
  • Fernando Casavechia

3 FORMAS DE AUMENTAR A PRODUTIVIDADE NA SUA OBRA

Quer saber como a uBeton ajuda você a aumentar a produtividade da sua obra? Agende um diagnóstico com nossos especialistas: clique aqui!


Aumentar a produtividade das obras tem sido o maior desafio de construtoras de todo o Brasil. O ganho de produtividade aumenta a margem de lucro no negócio, devido a redução de custos de operação.



Essa melhoria pode ser obtida em uma obra de várias formas como melhorias em processos, produtos e formas construtivas.

Vamos falar um pouco neste texto sobre cada


1 - Melhoria de processos

O entendimento de como funciona cada etapa de construção da sua obra, identificar onde ocorrem os desperdícios e onde podemos atuar ajuda muito no aumento de produtividade. Entretanto, para melhorar seus processos, é preciso saber o que iremos fazer, em quanto tempo, como pretendemos fazer e com quais recursos.


Abaixo, vamos falar um pouco sobre duas metodologias, que trabalham juntas, e que vão dar mais clareza de como anda a sua obra e se bem aplicadas vão gerar ganhos enormes em produtividade, qualidade e confiabilidade no planejamento da sua obra.


Sistema Last Planner®

O sistema de planejamento do Lean construction permite uma visão mais clara de como será o andamento da obra.O Last Planner divide o planejamento de forma hierárquica a partir de um plano de longo prazo, depois médio e curto prazo.

Com esse sistema de planejamento é possível gerar um fluxo de trabalho mais confiável na obra, estabilização do projeto e melhoria contínua. Com esse sistema, as atividades que devem ser feitas são mapeadas desde o início da obra, ajudando na previsão de possíveis gargalos e reduzindo riscos de atrasos no projeto.

O planejamento é dividido em quatro partes:

  • Plano de longo prazo: nesse plano ficam indicadas as tarefas de forma macro - data de início de fim das etapas. Ex: Alvenaria de 01/08/2020 até 23/12/2020.

  • Planejamento de Fases: Nesta etapa detalhamos o que será feito em cada etapa do trabalho. Detalhamos quais atividades serão executadas para atingirmos os objetivos. Ex: Na alvenaria as atividades poderiam ser: marcação de paredes, chapisco estrutura, levantamento de paredes, colocação de vergas e contravergas, enchunhamento.

  • Plano de médio prazo: Nessa etapa são avaliadas as restrições para continuação da obra. Ou seja, aqui verificamos tudo que deve ser resolvido para que a obra não pare. É nessa etapa que integramos o planejamento de longo com o de curto prazo. Aqui também iremos controlar o andamento do cronograma e se necessário atualizar o planejamento inicial.

  • Plano de curto prazo: Organização e formalização das atividades operacionais. Nesse plano ficam as tarefas mais próxima (prazo semanal). Aqui iremos promover a estabilidade da produção, identificar possíveis gargalos de capacidade e gerar engajamento dos envolvidos na obra.


Linha de Balanço

A linha de balanço é uma poderosa ferramenta na criação do planejamento de longo prazo. Nela iremos demonstrar quem faz o quê, onde e como. O planejamento da obra via linhas de balanço permite organizar o fluxo de trabalho de mão-de-obra de forma a aprimorar o sequenciamento dos pacotes de trabalho entre as diversas equipes que vão atuar nas obras. Esse planejamento substitui o clássico Gant e permite uma visão aprimorada de como cada atividade depende de outra no processo e como cada etapa afeta no planejamento total da obra.


Figura: Exemplo Linha de Balanço. Fonte: Prevision


2 - Materiais inovadores

Um dos principais motivos para utilizar um material mais inovador na obra é aumentar a produtividade na construção, principalmente reduzindo etapas do processo construtivos. O grande erro ao mudar o material que será aplicado na obra é não avaliar todos os impactos que vão ocorrer no sistema da obra e planejar as mudanças necessárias para que o produto desempenhe o papel dele com qualidade e realmente gere a vantagem esperada.

Um produto inovador normalmente parece ser mais caro que a solução convencional, mas em geral as pessoas cometem erros em não avaliar tudo que o produto afeta, além do custo do produto por si só.

Vamos ver alguns exemplo de materiais inovadores e como entender a aplicação deles na obra:


Argamassa Polimérica para Assentamento de Tijolos: Esse material substitui a convencional argamassa cimentícia para assentamento de alvenaria. É um produto muito prático por chegar pronto na obra, aumentar em até 3x a velocidade de assentamento e facilitar muito a logística interna na obra.

Essas vantagens que devem ser levadas em conta no orçamento da solução. Se comparar o custo do kg do produto com o kg de uma argamassa estabilizada, por exemplo, a polimérica ficará realmente mais cara.

Porém quanto custam as atividades que são reduzidas, ou até eliminadas? Como redução da movimentação de material em gruas e guinchos, redução da necessidade de uso de betoneiras, otimização da mão de obra, redução do tempo de execução da alvenaria…


Revestimento Monocapa: esse tipo de revestimento, já é utilizado na Europa desde a década de 70, porém ainda não está totalmente difundido em nosso país. É um revestimento para fachadas, decorativo, que substitui a aplicação de chapisco, reboco e tinta na parede.

O ganho de etapas e a produtividade que esse produto gera, com certeza, vai impactar no cronograma das obras e reduzir diversos custos associados à essa etapa, como aluguel de andaimes e balancins e custos logísticos pela redução de etapas da construção.


3 - Processos ágeis

A terceira forma de aumentar a produtividade que vamos mostrar aqui é mudando a forma de realizar tarefas na obra. Utilizar equipamentos para auxiliar em um processo ou retirar totalmente a etapa de dentro da obra e fazer ela industrialmente podem gerar ganhos enormes. Vamos ver dois exemplos:


Projeção de argamassa: o transporte de argamassa, horizontal e vertical, sempre é uma tarefa que gera muito trabalho nas obras. A utilização de uma bomba para levar o material até seu local de aplicação pode economizar muito tempo da sua mão de obra. Além disso, esse bombeamento pode ser associado com a projeção da argamassa na parede para realização do reboco e chapisco, ou fabricação de contrapiso, por exemplo. O importante é que essa atividade reduz muito a movimentação de pessoas e transporte de produto dentro da obra. Esses dois desperdícios de tempo, quando colocados na conta, afetam muito a produtividade de um empreendimento. Para saber um pouco mais sobre esses desperdícios, acesso nosso e-book sobre o tema clicando aqui.


Pré-fabricados: a utilização de produtos pré fabricados é muito bom para o aumento de produtividade das obras. Ao utilizar esse tipo de componente o processo de instalação e montagem da obra reduz consideravelmente, dando muito mais agilidade para a obra. Normalmente, as construtoras cometem o erro de não avaliar os custos que elas possuem para desenvolver os produtos no canteiro (desde a fase de projeto até a execução) e assim consideram alto o custo de sistemas pré fabricados. Porém, toda tarefa que é retirada de dentro da obra, é uma economia de recursos para o construtor e deve ser levado em conta na hora de decidir qual método usar.


Neste post falamos rapidamente sobre algumas formas de aumentar a produtividade de obras. Podemos abordar esse problema desde a o planejamento do empreendimento até a forma de execução das tarefas. O problema da falta de produtividade é evidente em canteiros no mundo todo, e cada vez mais precisamos buscar métodos para reduzir os custo associados à ineficiência. Espero que com esse texto, você passe a olhar diferente onde atacar para melhorar sua obra e assim ter um empreendimento mais lucrativo.



Autor:

Fernando Casavechia Teixeira

Especialista em Lean Manufacturing pela PUCPR

Diretor Comercial na Ubeton

LinkedIn | Instagram


0 visualização

A uBeton busca constantemente trazer produtos inovadores que proporcionem um aumento de produtividade e qualidade nas obras de construção civil. Inovação e eficiência é o que nos move.

Rua Lourenço José de Paula, 2126 - Parque da Fonte - São José dos Pinhais/PR

E-mail: contato@ubeton.com.br | 

Telefone / WhatsApp: (41) 3206-3721

© Todos os direitos reservados uBeton.